Semelhante à posse de Bolsonaro, Maduro manda confiscar lanches de jornalistas


CARACAS – Após denunciarem o confisco de maçãs durante a solenidade de posse do presidente Jair Bolsonaro, a imprensa amargou mais um episódio de fome, a terem seus lanches confiscados durante a posse de Nicolás Maduro.

No caso brasileiro, o confisco de frutas se deu mediante alegação de que o procedimento fazia parte do protocolo de segurança.

Já no país vizinho, não foram dadas declarações sobre o confisco dos lanches, mas Maduro foi visto comendo-os posteriormente, num canto escondido.

A Venezuela sofre, há anos, com crise de abastecimento de produtos básicos e por esse motivo, não teve comes e bebes na solenidade de posse do presidente.

* Leia o livro “O Lula tá preso, babaca”, de Joselito Müller.

Livro físico AQUI.

E-book para Kindle AQUI.

Deixe seu comentário...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: