Fátima Bernardes denuncia assédio sexual e machismo no mundo canino


PROJAC – Após levantar uma profícua discussão sobre o preconceito sofrido por cachorros com deficiências física por parte de outros cachorros, a apresentadora Fátima Bernardes voltou a conscientizar o povo brasileiro, dessa vez chamando a atenção para o machismo que reina no mundo canino.

Sempre que uma cadela entra no cio, muitos cachorros correm atrás dela e tentam cruzar, sem sequer se importar se ela quer ou não”, disse a ex de Willian.

Segundo a dita cuja, “Há casos de machismo e violência sexual explícitas, quando a cachorra late, rejeitando o cachorro, mas ele insiste para fazer amor com ela”.

Fátima chamou a atenção para o fato de, ao entrar no cio, a cachorra não ser obrigada a fazer nada que seja de sua vontade.

Em pleno século XXI, é absurdo ter gente que pensa que, só por está no cio, ela é obrigada a cruzar”.

Na ocasião, o programa recebia uma veterinária feminista, especialista em empoderamento canino que alertou dos efeitos maléficos do machismo no mundo animal em geral.

Deixe seu comentário...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: